Construção.

planeamento de piscinas

Existe a conceito generalizado que adquirir piscinas é um procedimento complexo e dispendioso mas, actualmente, esta ideia começa a estar cada vez mais desactualizada.

Ter uma piscina em sua casa e desfrutar dela quando quiser é um processo mais simples e económico do que se pensa. A evolução tecnológica dos materiais e dos métodos construtivos fizeram com que a compra de piscinas esteja cada vez mais ao alcance de muitas pessoas.

Tendo em mente alguns cuidados básicos durante a fase de planeamento e escolhendo uma empresa sólida e experiente para a construção, ter uma piscina é um sonho facilmente alcançável. Considere o seguinte:
- As piscinas devem ser implantadas em local de grande exposição solar. Quanto mais sol as piscinas apanharam maior será o potencial da sua utilização. Deste modo recomenda-se a implantação das piscinas nas porções a sul dos terrenos.
- Deve-se evitar que as piscinas estejam à sombra de árvores altas, pois isto faz reduzir a temperatura média da água. Esta questão também pode ser compensada com equipamentos para aquecimento de água.
- As árvores de folha de pequena dimensão e caduca devem também ser evitadas nas imediações das piscinas, pois estas folhas podem sobrecarregar o sistema de filtração das piscinas.
- Outra característica que deve ser tida em conta é a facilidade de acesso para a entrada de materiais para a piscina e a retirada de terra resultante da escavação.
- A escavação é uma das operações onde se pode economizar se a zona estiver livre de obstáculos como rochas de grandes dimensões, redes de esgotos ou alimentação de águas e lençóis freáticos.
- O solo envolvente das piscinas deve ser firme para evitar abatimentos e consequentes danos no tanque das piscinas.
- Piscinas implantadas em áreas planas facilitam a dinamização do ambiente envolvente com mobiliário e equipamentos que permitam aumentar o uso deste espaço de lazer.
- O tamanho das piscinas deve ser definido de acordo com o tipo de utilização que vai ter e o espaço onde vai estar inserida. Em áreas mais limitadas deve ter-se atenção aos afastamentos mínimos a paredes e muros.
- A profundidade das piscinas é uma característica muito importante e deve ter em consideração a altura dos utilizadores e o tipo de utilização que vai ser feita.
- As casas de máquinas das piscinas são uma parte de extrema importância para o seu funcionamento e manutenção. Deve estar prevista a instalação de pontos de água e electricidade e respectiva drenagem de águas residuais.
- Uma parte essencial para o bom funcionamento das piscinas é o correcto dimensionamento dos elementos hidráulicos, desde a tubagem passando pelas bombas e filtros. A experiência e profissionalismo da empresa de construção são uma garantia do bom funcionamento das piscinas.
- A escolha dos materiais de revestimento das piscinas é importante na medida em que são um meio de aumentar a segurança. Os revestimentos do tanque, bordas e envolvente das piscinas devem ser antiderrapantes, sem arestas vivas e atérmicos.